O Inimigo Número 1 de Quem Quer Aprender a Falar Inglês

Sempre soubemos que para aprender a falar inglês, é necessário estudar por anos e anos. Não é possível falar uma nova língua sem saber 100% do vocabulário dela, certo?

Não é possível aprender a falar inglês sem saber usar todas as formas gramaticais, certo? Porque se não soubermos tudo isso, como vamos conseguir falar sem gaguejar? Ou como vamos falar da maneira correta?

Bom, apesar de querermos concordar com todas essas perguntas, eu espero que você realmente não acredite e nem concorde com nenhuma delas!

Se você concordou com todas as perguntas que foram feitas acima, talvez seja por isso que esteja demorando tantos anos para falar inglês, ou até pior, demorando anos para não falar inglês. Por isso é muito importante que você preste atenção nesse conteúdo se você realmente quer aprender a falar inglês.

O objetivo desse artigo é te mostrar uma maneira diferente que você pode usar para aprender a falar inglês, uma maneira que poucas pessoas usam, por acabar concordando com todas as perguntas que fizemos agora a pouco, uma maneira que é realmente eficiente para falar inglês sem precisar levar anos e anos  e também te mostrar definitivamente o que não fazer!

Vamos falar rapidamente sobre alguns fundamentos do nosso cérebro para entender melhor porque a gramática é o inimigo número 1 de quem quer aprender a falar inglês.

 

Nosso cérebro tem 2 hemisférios: o hemisfério direito e o hemisfério esquerdo. Cada um deles tem uma forma de trabalhar, o hemisfério esquerdo é mais lógico e racional e nele estão armazenados os números e as palavras, no hemisfério direito nós trabalhamos mais a parte da criatividade, lá nós temos a rima, a melodia, a música, a imaginação, a imagem e a conversação.

Agora ficou fácil de saber onde está a gramática, ela está no hemisfério esquerdo. E por que ela é o inimigo número 1 na hora de aprender a falar uma nova língua? A gramática nos faz pensar NO inglês e não EM inglês, porque o aprendizado da gramática acontece em uma parte do cérebro que não permite que você fale em inglês.

E o nosso cérebro não pensa em termos de palavras mas sim de imagens, nós é que vamos atribuindo determinados palavras para as imagens, para que isso represente alguma coisa para nós.

Bom, já vimos que a gramática acontece no hemisfério esquerdo e a conversação acontece no hemisfério direito e por isso, se você passa anos e anos estudando gramática, quando tenta falar inglês, com certeza você vai travar.

Por que? Porque a conversação é uma atividade do hemisfério direito e como esse exercício não foi praticado, você está com um espaço vazio nessa área dentro do seu cérebro, então você não vai conseguir falar inglês.

Um exemplo muito legal para analisar esse tema é o seguinte, você já viu que alguns gagos sabem cantar e quando cantam não gaguejam nem um pouco? Bom, eu tenho um amigo assim, e inclusive tem um cantor brasileiro, Nelson Gonçalves, que também é assim. Por que isso acontece?

Os nossos dois hemisférios cerebrais são unidos pelo que os cientistas chamam de corpo caloso, e quando uma pessoa tem uma interrupção na conexão entre esses dois hemisférios, ela gagueja, então uma pessoa que é gaga tem um problema de conexão entre os dois hemisférios.

Mas como uma pessoa gaga consegue cantar sem gaguejar?

Porque o processo de cantar transfere a comunicação para o hemisfério direito e a pessoa para de gaguejar, então na hora em  que a pessoa está cantando, ela está usando apenas o hemisfério direito, por isso até mesmo os gagos cantam.

Relacionando isso com o inglês, como a gramática está no hemisfério esquerdo, é por isso que as pessoas gaguejam na hora de falar, porque ao aprender gramática, elas não tem nenhuma conexão com o hemisfério direito.

Quando nascemos aprendemos a falar o português praticando a conversação, a gramática só vem na escola, quando já temos bastante vocabulário e é assim que devemos fazer ao aprender inglês também.

Veja, não sou contra estudar gramática, desde que você comece a estudar depois que você já tenha um certo vocabulário, mas começar a estudar pela gramática é realmente a pior coisa que você pode fazer em relação ao seu aprendizado.

Por isso que estamos acostumados e até temos a cultura de que, para se aprender a falar inglês, precisamos estudar por anos e anos.

Resumo geral:  Pratique a conversação na hora de estudar inglês, existem diversas formas de fazer isso que não vou falar aqui pois esse assunto merece um artigo próprio, mas nunca, nunca comece a estudar inglês começando pela gramática, fique atento a isso para economizar tempo e dinheiro e conseguir aprender a falar inglês de uma forma mais prática e objetiva.

Espero que esse post te ajude a conquistar o grande sonho de aprender a falar inglês.

Agora que você me acompanhou até aqui e já sabe o inimigo número 1 para aprender a falar inglês, eu quero te dar um presente.

Nele você vai encontrar mais dicas em inglês, diálogos e músicas para treinar inglês, listas de 200 palavras mais usadas do inglês e muito mais.

Clique na Imagem Abaixo Para Baixar O Guia Prático Para Aprender Inglês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *